Quem você é?

3
2390

identidadeÉ muito comum que nas entrevistas de televisão, celebridades recebam a seguinte pergunta: Quem é você?

É curioso como mesmo pessoas famosas, que já conquistaram um certo sucesso na vida, têm muita dificuldade de responder a essa pergunta. E se isso é verdade até para pessoas consideradas bem-sucedidas, quanto mais para outras pessoas.

Vou te fazer agora essa mesma pergunta: Quem é você?

Fora as respostas mais superficiais, como dizer ou nome ou a profissão, como você responderia? Quem é você na sua essência? Ou ainda, espiritualmente falando, quem é você?

É fundamental saber quem você é para poder entender o que você precisa fazer e como deve viver sua vida. Por exemplo, uma pessoa que nasceu pra ser atleta deverá ter uma vida dedicada ao treino físico, regrada na alimentação e sem excessos. Ou, se alguém deseja ser um analista de sistemas, precisa investir em cursos e estar sempre ligado nas novidades tecnológicas.

Se você não sabe quem é, corre um sério risco de desperdiçar sua vida correndo atrás de coisas triviais e sem a menor importância. Isso sem falar no fato de que pode se sentir deprimido e sem objetivos. Por isso, responder a essa pergunta é fundamental.

Felizmente, a Bíblia Hebraica nos dá essa resposta, embora nem todos percebam. Observe:

“Eu disse: Vós sois deuses, e todos vós filhos do Altíssimo.” (Sl. 82:6)

No hebraico bíblico, “filho de” é uma expressão idiomática utilizada frequentemente para expressar a natureza de alguém. Por exemplo, pessoas perversas são chamadas de “filhos da perversidade” (Os. 10:9). Ou seja, o salmo acima fala de nossa verdadeira identidade!

Você já pensou nas implicações disso? Você é Filho(a) do Altíssimo. Isso significa que você partilha de uma essência divina que está destinada a coisas grandiosas.

Aquilo que Ele fez, a maneira como Ele se manifesta, você está também destinado a fazer, mesmo que em menor escala. É por isso que Ele sempre se coloca como exemplo para nós, dizendo: “Santos sereis, porque eu, o Eterno vosso Senhor, sou santo.” (Lv. 19:2b)

Em outras palavras, da mesma maneira que Ele é diferente, nós também devemos ser diferentes. Porque esta vida é apenas um estágio, para aprendermos lições que nos serão úteis, porque somos herdeiros de toda a criação!

Agora você pode compreender a sua vida de uma forma muito mais ampla. Ela não é um fim nela mesma. Embora ser feliz e desfrutar das bênçãos do Eterno seja algo importante, nossos objetivos são muito mais sublimes do que esse.

Não temos tempo para desperdiçar a vida com trivialidades, nem motivos para ficar deprimidos, quando entendemos que o Eterno tem nos reservado um destino extremamente sublime!