Moisés, o cortador de Pizza e como reconhecer anjos

0
1635

“Respondeu o sogro de Moisés: ‘O que você está fazendo não é bom. Você e o seu povo ficarão esgotados, pois esta tarefa lhe é pesada demais. Você não pode executá-la sozinho. Agora, ouça-me! Eu lhe darei um conselho, e que o Senhor esteja com você! Seja você o representante do povo diante do Senhor e leve ao Senhor as suas questões.Oriente-os quanto aos decretos e leis, mostrando-lhes como devem viver e o que devem fazer. Mas escolha dentre todo o povo homens capazes, tementes ao Senhor, dignos de confiança e inimigos de ganho desonesto. Estabeleça-os como chefes de mil, de cem, de cinquenta e de dez.” (Êxodo 18:17-21)

Na última vez em que visitei minha mãe, resolvemos pedir uma pizza. Ela não gosta de cortar a pizza com faca, porque acha que a faca acaba desfazendo toda a pizza. Por isso, sempre usa um cortador de pizza.

Ela procurou o cortador durante 15 minutos e deu-se por vencida porque a pizza estava esfriando, e ia cortar com a faca mesmo. Eu me levantei, pedi um minuto. Fui até a cozinha, abri a gaveta onde ela guardava o cortador. Lá estava ele. Peguei-o, levei para a mesa e minha mãe ficou extremamente surpresa.

Fato é que a gaveta estava meio bagunçada, e ela está habituada a colocar o cortador do lado direito da gaveta. Dessa vez, estava na parte do meio. Como ela estava acostumada a ver de uma dada maneira, o cérebro não processou a mudança. Precisou uma pessoa de fora para conseguir ver o que ela não estava vendo.

Moisés era uma pessoa extremamente sábia. Certamente ele foi educado no Egito em como administrar as questões de um povo, pois era filho adotivo de uma princesa, e cresceu no palácio real.

Mas, Moisés estava tão envolvido no problema, e tão acostumado com aquela rotina pesada, de atender todo mundo, que estava ficando esgotado, sem perceber. Muitas vezes, quando estamos envolvidos, não conseguimos enxergar o óbvio. Mesmo quando é uma coisa tão simples como um cortador de pizza!

Por essa razão, frequentemente o Senhor coloca anjos em nossas vidas. Anjo, no hebraico, significa mensageiro. Quando Ele usa uma pessoa para falar com você, essa pessoa serviu como anjo em sua vida.

E muitas vezes esses anjos têm apenas uma missão: Nos dar uma perspectiva diferente, que nos faça olhar a questão de uma outra forma.

Só que nem sempre percebemos isso, e às vezes até reagimos de forma agressiva quando alguém que está de fora nos dá algum toque importante. Caímos na defensiva, e assim acabamos perdendo a mensagem do Criador!

Se minha mãe tivesse me dado uma resposta atravessada quando eu me levantei para procurar o cortador, ela teria sido obrigada a usar a faca para cortar, e talvez o que era pra ser uma coisa boa acabasse se tornando fonte de aborrecimento.

Imagine o que teria sido da vida de Moisés se ele tivesse dito para o sogro não se meter, ou alegado que se ele falava com o Senhor, então ele sabia o que fazer! Ele teria perdido uma mensagem importantíssima.

O sábio precisa sempre estar atento e ouvir diferentes perspectivas. Muitas vezes, elas vêm através de anjos que o Senhor coloca em nosso caminho.