Dois filmes para mudar sua vida espiritual

0
1659

“Confie no Senhor de todo o seu coração e não se apóie em seu próprio entendimento; reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas.” (Provérbios 3:5-6)

Duas cenas, de dois filmes, podem mudar sua vida espiritual. Duvida? Observe:

Filme 1: Todo-Poderoso, no qual Jim Carrey é convocado a agir como Deus durante uma semana. Em uma das cenas, ele resolve responder positivamente a todos os oraram pedindo alguma coisa. O mundo se torna um caos total. Por exemplo, todo mundo que orou pra ganhar na loteria ganha, o que faz com que o prêmio acabe sendo de apenas alguns centavos.

Filme 2: Uma Mente Brilhante, que é uma espécie de biografia do famoso matemático John Forbes Nash. Na cena, ele e três amigos estavam prestes a tentar disputar a atenção de uma bela moça loira que estava com as amigas. Nash, então, diz o seguinte: Se todos forem atrás da loira, ela vai se sentir o máximo. Os amigos, então, tentarão a sorte com as amigas dela, que ficarão chateadas de serem a segunda opção. Ele então sugere que eles pensem em conjunto, e ignorem a loira, e sigam direto para as amigas.

As duas cenas ensinam uma coisa importante: Nem sempre aquilo que é bom para o indivíduo é bom para todo mundo.

A tendência que todo ser humano tem é a de buscar o que é bom para si. Você pode perceber que frequentemente a posição política de uma pessoa costuma ser aquela que a beneficia. Para a maioria das pessoas, o que é bom ou ruim é avaliado como aquilo que faria bem ou não a elas.

O servo do Altíssimo precisa ir muito além disso. Precisa se perguntar: O que é bom do ponto de vista do Senhor? O versículo do começo deste texto nos convida a não só fazer essa pergunta, como também a abrir mão da nossa vontade em favor da dEle.

Mas esse pedido esconde um segredo, que muitos não percebem: Em médio ou longo prazo, o que é bom para o Senhor é o que é bom para você. O Senhor é dono de todas as coisas. O que Ele poderia precisar, que já não tenha?

Ou seja, Ele nos pede pra abrir mão dos nossos desejos… não por causa dEle, mas por nossa causa! Quando você O obedece, o que isso muda para Ele?

Achar que quando somos obedientes quem se beneficia com isso é o Senhor é como achar que o médico vai ter uma vida melhor se você tomar o remédio que ele prescreveu.

A vontade dEle, portanto, é fruto do profundo amor que Ele tem por nós. Você não está “abrindo mão” quando age corretamente. Na realidade, você está agindo em benefício próprio!

Os dois filmes que mencionei no começo mostram a mesma coisa: A vontade que temos pode, na verdade, acabar jogando contra nós.

No segundo filme, os amigos de Nash não conseguiram enxergar além. E não só ignoraram a explicação dele, como o acusaram de querer, na verdade, ficar com a loira pra ele.

Da mesma forma, muitas vezes ficamos até chateados com o Senhor porque não conseguimos enxergar as coisas do ponto de vista dEle, e temos dificuldade de entender como alguma coisa que não nos agrada seja o melhor para nós.

É por isso que ter fé é importante: Para que possamos entregar o controle de nossas vidas Àquele que sabe todas as coisas, e que age sempre para o nosso bem.

Lembre-se: Nossa realidade pode ser medida em segundos, ao passo que o Eterno vê toda a existência do tempo! Esta vida não é a única existência que você terá, mas às vezes é difícil ver além disso.

Da mesma forma que pra quem está de fora, assistindo os filmes, a verdade é óbvia, assim também ela será quando estivermos fora desta vida. Até lá, confiemos no Altíssimo, que sabe todas as coisas.