Como ter Anjos do Senhor ao seu redor

1
2373

“Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos.” (Salmo 91:11)

Talvez você não saiba, mas tenha sido visitado por um anjo hoje mesmo. Quantas vezes o Senhor nos envia seus servos para nos guardar de riscos que não temos nem ideia que corremos?

E qual de nós não gostaria de ter uma visão com anjos, de ver um dos mensageiros do Altíssimo vir nos falar face a face como com os profetas?

Devemos, porém, ter cuidado com esse desejo. O que queremos, quando dizemos que queremos ver anjos, conversar com eles ou buscar receber deles algum tipo de manifestação de poder?

No hebraico, o termo anjo (mal’akh – מלאך) significa literalmente mensageiro. Em outras palavras, um anjo é apenas um veículo para cumprir uma ordem do Criador.

Querer ver anjos, sentir seu poder, etc. pode ser uma forma muito sutil de desviar o foco do Senhor. E pode acabar até mesmo em idolatria. Quantos judeus e cristãos na história não escreveram obras, sortilégios e recomendações para invocar anjos? Não devemos nos esquecer de que os anjos são apenas mensageiros – e que são mensageiros do Senhor, não nossos mensageiros.

“O anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem, e os livra.” (Salmo 34:7)

Estamos cercados dos anjos do Senhor a todo tempo, conforme diz a passagem acima. Mas observe o detalhe: Isso é algo que acontece quando nós tememos o Senhor. Não os anjos, mas o Criador, o único e verdadeiro Deus.

Quando a Bíblia Hebraica nos fala sobre a presença de anjos, isso não é uma mensagem para dizer que temos servos espirituais à nossa disposição ou que nos darão manifestações de poder.

A mensagem é: o Senhor cuidará de ti sempre.

Não ocupe o seu coração com anjos. Deixe que eles façam o trabalho que o Senhor os encarregou de fazer. A nós, compete apenas ter a certeza de que o Senhor é conosco.

Um coração desejoso de ver anjos, de se relacionar com eles, é um coração distante do Altíssimo. Pois Ele, o Senhor, disse:

“Eu sou o ETERNO; este é o meu nome; a minha glória, pois, a outrem não darei, nem o meu louvor às imagens de escultura.” (Isaías 42:8)

Lembre-se: Uma imagem de escultura não é feita apenas de barro. Ela pode se formar em nossos pensamentos e anseios e ocupar o lugar do Senhor.

Se você quer a presença dos anjos em sua vida, busque um relacionamento com Aquele que dará ordem aos anjos a seu respeito.

Facebook Comments